A história da minha carreira – Capítulo 01

3 09 2008
TK95
 

Boas escolhas + merecimento = sorte = sucesso

Digo que a minha carreira teve inicio quando pedi ao meu pai para fazer o curso de computação da Datapro.

Eu tinha entre 16 e 17 anos e morava em Itanhaém/SP desde os 13. A escola ficava em Santos e, portanto, eu tinha que viajar para lá todos os sábados, às 06 horas da manhã. O curso era o Basic I.

Ganhei um computador, o TK95, que tinha que ser ligado a uma televisão. Eu transcrevia todos os programas contidos no seu manual, e posteriormente fazia as minhas adaptações.

Fui gostando muito daquilo e os resultados apareciam nas notas das provas de Basic I. Infelizmente, descobri que não poderia realizar o Basic II, por limitações financeiras da minha família, à época.

Já contava com o fim de tudo aquilo, quando fui comunicar ao diretor da Datapro a minha saída após a conclusão do Basic I. Ele não se conformou e me fez então uma proposta. Eu seria monitor nas aulas de laboratório, e em troca poderia realizar o Basic II sem ter que pagar por ele. Aceitei prontamente, embora meus sábados, que já eram curtos, se limitariam em acordar, viajar, trabalhar, viajar e mais nada.

Valeu à pena! Continuei trabalhando e estudando. Fiz o Cobol inicial e o Avançado. Foi aí que o Simões, diretor e proprietário daquela franquia da Datapro, me convidou para ser programador na sua outra empresa: a SEOMIS, uma pequena desenvolvedora de softwares comerciais. Foi o meu primeiro emprego em carteira!

Dias depois, passei a ter 02 empregos simultâneos (ambos registrados), cada um com 06 horas de carga diária de trabalho, depois de ser indicado pelo Simões para trabalhar em uma empresa na qual seu irmão era sócio: a Palletbras.

A carga era puxada, mas nesta época eu já havia me mudado para Santos, com toda a família.

Para resumir este primeiro capítulo, hoje, aos 38 anos, reflito sobre a importância de um curso na formação de um profissional. Algo tão simples pode mudar uma vida! Além da lição primordial: a importância das nossas escolhas! A maioria dos meus amigos surfavam aos sábados…


Ações

Information

2 responses

5 09 2008
Renata

Acrescento que são somente o curso na formação profissional faz a diferença, mas também a força de vontade, o querer, conseguir e acreditar que são características da personalidade e do carater de André Luís da Silva.

Enquanto as pessos copiam seu presente você está criando seu futuro.

10 09 2008
Sérgio

Grande Simões..
grande pessoa, belo professor de Cobol…
Ainda lembro da Datapro na Azevedo Sodré…
Abraçao André

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: